• Gabriela Vasco

Quer saber mais sobre Epilação a Laser?

Atualizado: 30 de mar.

Com a chegada do verão vem o uso de roupas mais frescas, roupas de banho e com elas a preocupação com os pelos, né? E se você não precisasse mais se preocupar com eles?


A epilação a laser chegou com tudo, e tem lotado as clínicas de estética com a sonhada liberdade dos métodos convencionais de depilação como a cera e a lâmina.


Mas o que é epilação a laser? Como funciona?
gif



Vamos esclarecer essas dúvidas para você, e te ajudar a escolher o melhor método para seu tratamento e investimento em sua clínica.







Qual a diferença entre Depilação e Epilação ?

Depilação: Abrange todos os recursos de retirada de pelo rente à pele, ou seja, somente na camada epidérmica, sem a retirada da raiz. Portanto a cera, pinça, linha, cremes, aparelhos elétricos.


Epilação: Diz respeito à retirada dos pelos desde sua raiz do bulbo piloso tornando assim o método de remoção dos pelos de efeito prolongado, com resultados mais duradouros.


Antes de realizar a Epilação à laser deve-se ter alguns cuidados como:
  • Ter a pele devidamente hidratada, porque assim o laser atua melhor, por isso deve-se beber bastante água e usar creme hidratante nos dias anteriores ao tratamento;

  • Não realizar depilação que remove o pelo pela raiz dias antes da depilação à laser, porque o laser deve atuar exatamente sobre a raiz do pelo;

  • Não ter feridas abertas ou hematomas no local onde será feita a depilação;

  • Áreas naturalmente mais escuras como axilas, podem ser clareadas com cremes e pomadas antes do procedimento para um melhor resultado;

  • Não tomar sol pelo menos 1 mês antes e depois de realizar o tratamento, nem usar creme autobronzeador.


Quantas sessões para obter resultado?

O número de sessões varia de acordo com a cor da pele, cor do pelo, espessura do pelo e do tamanho da área que será depilada. Em geral, pessoas com peles claras e com pelos grossos e escuros necessitam de menos sessões que as pessoas com peles morenas e pelos finos, por exemplo. O ideal é comprar um pacote de 5 sessões e, caso haja necessidade, comprar mais sessões.


Qual o tempo de intervalo entre as sessões ?

As sessões podem ser realizadas com intervalo de 30-45 dias e quando os pelos surgirem, aconselha-se a depilação com gilete ou cremes depilatórios, se não for possível, esperar até o dia do tratamento à laser.


O pelo voltará a crescer?

Após o término do tratamento é muito difícil que o pelo, que teve seu folículo destruído, volte a nascer, mas outros podem surgir, pois ainda há condições hormonais especiais que podem estimular o crescimento de novos pelos, portanto, para isso, serão necessárias sessões de manutenção.

Contraindicações da Epilação à laser

gif
  • Pelos muito claros ou brancos;

  • Diabetes não controlada, que leva à alterações de sensibilidade na pele;

  • Hipertensão descontrolada porque pode haver um pico de pressão;

  • Epilepsia, porque pode dar origem a uma crise epilética;

  • Gravidez

  • Uso de remédios fotossensibilizantes, como a isotretinoína, nos 6 meses anteriores;

  • Vitiligo, Doenças de pele, como a psoríase, feridas abertas ou hematoma recente no local da exposição ao laser;

  • Em caso de câncer, durante o tratamento.


Principais tipos de laser para epilação

O mecanismo de ação dos equipamentos de depilação a laser é o mesmo, a fototermólise seletiva. O que diferencia um laser do outro é que cada tipo de laser possui um comprimento de onda específico que é medido em nanômetros, e através da profundidade atingida por esse feixe de luz, podemos definir o cromóforo alvo de cada tipo de laser de acordo com o gráfico abaixo:


Os lasers de epilação costumam ter atração por melanina e oxiemoglobina, podemos ver a seguir:


Laser alexandrite

O laser Alexandrite possui ondas de 755 nanômetros de comprimento e seu foco é a atração direta da melanina, além de conseguir chegar até a camada média da derme. Não é indicado para fototipos altos e peles que estejam bronzeadas.


A sua quantidade de energia deve ser regulada pelo profissional, exatamente pela sua alta atração pela melanina. A quantidade de sessões pode ser maior do que os outros tipos de laser para se obter um resultado mais efetivo.


- Segurança Este tipo de laser, apesar de sua eficiência, não é o mais recomendado para os brasileiros, exatamente por sua alta atração pela melanina, pigmento responsável por dar cor à nossa pele, a indicação principal é para peles claras, peles negras podem ter riscos de queimaduras.

- dor Quando realizado com seu máximo de energia, a depilação com este tipo de laser é, para a maioria das pessoas, dolorosa, em algumas clínicas é utilizado um gás de criogênio para resfriar a região e amenizar a dor, mas, fica o alerta, este gás pode causar queimaduras pelas baixas temperaturas.

Laser de Diodo

Ele possui um comprimento de onda de 810 nm, sendo intermediário entre os tipos de laser mais comuns existentes no mercado, isso faz com que a tecnologia seja capaz de penetrar mais profundamente no folículo do pelo. A tecnologia de Diodo funciona a partir da emissão de um feixe de luz pura, concentrada e intensa, pode demandar menos sessões e os resultados já começam a aparecer a partir da primeira aplicação. É absorvido pela melanina, apresentando dispersão mínima, por isso, proporciona resultados altamente eficientes. No entanto, a tecnologia é indicada principalmente para pessoas com peles claras e pelos escuros. Existem diferentes equipamentos que utilizam este tipo de laser e que variam na forma de disparo e tamanho da ponteira.


- Segurança A energia emitida pelo feixe de laser atinge apenas a raiz do pelo, sem se expandir e afetar diretamente a melanina da nossa pele, com isso você evita possíveis manchas decorrentes do laser. Como o laser de diodo não afeta áreas da pele, ele é seguro para ser utilizado em qualquer fototipo. - dor Uma das melhores características do laser de diodo é o resfriamento da ponteira em contato com a região, essa ponteira tem a função de realizar uma super camada de proteção e deixar o processo de depilação muito mais confortável.

Nd : Yag

Este tipo de laser tem comprimento de onda de 1.064nm e baixa afinidade pela melanina, por ter alta profundidade pode ser um dos mais doloridos. Entretanto, a sua ponteira costuma ser grande tornando a densidade da energia do laser baixa e pouco efetiva. Talvez seja necessário mais do que 10 sessões para obter um resultado significativo.

- Segurança Este tipo de laser, ao contrário do alexandrite, não tem a tecnologia de alta atração da melanina. Pode ser realizado em qualquer fototipo e é o mais utilizado em fototipos mais altos, como em peles morenas e negras.

- dor Por ter alta profundidade pode ser um dos mais doloridos.


Cuidados pós-tratamento:
gif
  • Não utilizar nenhum produto sobre a pele, exceto hidratantes e protetor solar;

  • Não usar maquiagem ou removedores;

  • Não expor a pele tratada ao sol por pelo menos 1 semana após a sessão;

  • Entre as sessões, não usar métodos de depilação que removam os pelos pela raiz, como pinças ou cera;

  • Em caso de intercorrência procure o profissional que fez seu atendimento para mais orientações.


Gostou de conhecer um pouco mais sobre epilação a laser?

gif


📌Para mais conteúdos do mundo do empreendedorismo, beleza, saúde e estética como esse, assine nossa Newsletter e saiba quando publicarmos!!!



Referências:

BIANCHI, Marcela. DEPILAÇÃO X EPILAÇÃO: Qual a diferença?. Blog FATESA. Disponível em: https://www.fatesa.edu.br/blog/depilacao-x-epilacao-qual-diferenca/. Acesso em: 12, de Jan. de 2022.


CAMPOS, V.; MATTOS, R.; FILLIPPO, A.; TOREZAN, L. LASER NO REJUVENESCIMENTO FACIAL. Surgical & Cosmetic Dermatology 2009;1(1):29-36, Fevereiro. 2009. Disponível em: https://docs.bvsalud.org/biblioref/2018/05/884550/2009_29.pdf . Acesso em: 11, de Jan. de 2022.


DIGITAL, Velrum. QUAL A MELHOR DEPILAÇÃO A LASER? Diodo, Alexandrite ou Nd YAG [Comparação Completa]. Blog Laser fast, 2019. Disponível em: https://blog.laserfast.com.br/melhor-depilacao-a-laser/. Acesso em: 12, de Jan. de 2022.


PINHEIRO, Marcelle. DEPILAÇÃO A LASER: dói? como funciona, riscos e quando fazer. Tua Saúde, 2021. Disponível em: https://www.tuasaude.com/depilacao-a-laser/. Acesso em: 13, de Jan. de 2022.

264 visualizações